Mais de 90% dos pais com ensino superior ajudam habitualmente os filhos nas actividades escolares, um valor que desce para 21% entre os que fizeram apenas o 1.º ciclo.

Fonte: Escolaridade dos pais é motor de desigualdades na escola – PÚBLICO